Escândalo: UDN denuncia ponte inacabada sobre o Rio Negro

24 de outubro de 2011

Lideranças da UDN de todo o Brasil, sob a batuta sempre firme do Mais Preparado dos Brasileiros, o futuro pres. Zezinho, criticaram duramente a nova obra faraoamazônica do lulopetismodilmismo: a ponte sobre o Rio Negro, ligando Manaus a Iranduba.

REVOLTA: os eleitores infantis paulistas criticaram a obra e disseram que a ponte Onestes Quercia é mais bonita e não serve de caminho para índio e onça.

O Presidente de Nascença e o grande poeta romano-manauara, Virgílius, anteciparam-se à Revista Mais Vendida do Brasil e denunciaram o novo escândalo que promete acabar com o governo da usurpadora-mirim do planalto.

Os dois encabeçaram manifesto criticando o desperdício de dinheiro público. O pres. Zezinho lamentou a decisão do governo e disse que não faz sentido construir  uma ponte de 3,6 km em um fim-de-mundo como a Amazônia, quando ainda há tanto a fazer nos lugares civilizados do país (Higienópolis, Curitiba, Leblon e Barra do Sahy).

INJUSTIÇA: O Maior dos Filhos da Mooca já havia investido uma importante soma na festa de lançamento da bela maquete da ponte Santos-Guarujá, mas o Barão de Pindamonhangaba jogou a maquete fora.

Segundo a nota, o governo federal faria melhor se construísse a ponte Guarujá-Santos, facilitando a vida da gente bonita paulistana em suas idas à  Pérola do Atlântico.

O sr. Geraldinho do Vale,  sucessor e muy amigo do pres. Zezinho, não deu continuidade à obra para poder construir um propinoduto, ligando assembléia legislativa paulista  à sede estadual da UDN.

Obra incompleta faz udenistas sofrerem síncope

A UDN também criticou o fato de que a obra foi entregue incompleta. Segundo a nota “é revoltante que uma obra dessa envergadura seja entregue sem as cabines de pedágio”.

GATO ESCALDADO TEM MEDO DE AMBULANCIA: Várias ambulâncias foram chamadas à Caverna do Ostracismo, mas muitos evitaram se comprometer e foram de táxi ao hospital.

Ao serem informados de que a ponte não teria cobrança de pedágio, vários moradores do Retiro do Udenista, na Caverna do Ostracismo, fundos, passaram mal e tiveram que ser socorridos ao Hospital Samaritano.

Já o poeta Virgílius assumiu um tom bucólico em seus comentários. De maneira enigmática, sentado em um canto da Caverna do Ostracismo, Virgílius comentou:  “Feliz aquele que conseguiu compreender a causa das coisas.”  Indagado sobre o sentido de sua frase, o poeta foi diplomático: “agora compreendi porque o povo do Amazonas me abandonou e fui obrigado a trabalhar novamente…”

QUADRILHA: A UDN fez uma bela festa junina na Ponte Onestes Quercia, em desagravo contra a gastança de dinheiro público.

Comentário da tia Carmela

O Zezinho nunca gostou de ponte. Quando ele era menino, ele gostava de ir brincar com os amigos lá na Água Rasa. Eles gostavam de jogar bola em um campinho que ficava perto do córrego. Para chegar ao campinho, era preciso atravessar o córrego, mas não tinha ponte e o pessoal colocava uma  tábuas para poder passar. O Zezinho e os amigos dele uma vez ficaram nos dois lados da ponte e cobravam um cruzeiro de cada moleque que queria passar nas tábuas pra jogar bola no campinho.  Mas uns moleques que moravam ali perto disseram que ninguém ia pagar coisa nenhuma e mandaram a turma do Zezinho embora.  Como vingança, o Zezinho e sua turma volta e meia iam lá e tiravam as tábuas que serviam de ponte, para ninguém conseguir atravessar.

Anúncios

UDN abre parque temático: Zezinholand

12 de outubro de 2010

O Mais Preparado dos Brasileiros, o futuro presidente Zezinho, recebeu uma homenagem reservada a poucos estadistas.

A UDN uniu-se à Disney e criou um parque de diversões temático em homenagem ao Presidente de Nascença. Trata-se da Zezinholand, o melhor dos parques temáticos já criados no mundo.

A viagem trem fantasma parece infantil, mas o final é atemorizante.

Na escolha do nome, a alternativa Zezinholândia foi descartada porque iria parecer nome de bairro da periferia e, se o nome fosse em português, não iria atrair a gente bonita que vota na UDN.


Pais e filhos divertem-se nos carrinhos de pedágio-pedágio.

Localizado junto à Av. Marginal Serra, em S. Paulo, o novo empreendimento traz inúmeras atrações baseadas na carreira, nos feitos, no currículo superior e nas idéias luminosas do Mais Competente dos Homens Públicos.

Sempre preocupado com os mais carentes, o Presidente Perfeito fez questão que a entrada na Zezinholand fosse gratuita. Os usuários pagam apenas pedágio de R$ 17,45 para passar no portão de entrada, administrado pela CCR.

O esqui pluvial é uma das atrações mais concorridas da Zezinholand

O esqui pluvial é uma das atrações mais concorridas do parque aquático da Zezinholand.

Para usar cada uma das atrações também não se paga entrada, apenas um pedágio de R$ 11,45, recolhido pela Tejofran.

Os banheiros também são grátis, sendo necessário apenas pagar um pedágio de R$ 8,45  para passar na porta que leva a eles. A renda é administrada pelo sr. Paulo P., tesoureiro oficial da UDN.


Emoção: A n. 2 do pres. Zezinho, srta. Soninha Copélia, é a atração do Trenzinho Ciclonudista do Amor.

A variedade de atrações no parque impressiona: trem fantasma, pedágio-gigante, montanha de lama. Um grande sucesso é o parque aquático da Zezinholand.

Nele, os felizes udenistas podem divertir-se com a Aventura no Tietê, onde os usuários podem participar de uma simulação de enchente, em um barco desgovernado dirigido por um boneco representando o Almirante do Tietê.


Reinaldinho Cabeção faz muito sucesso entre os eleitores infantis paulistas que frequentam a Zezinholand.

Visitantes também podem visitar o Salão das Mil Caras a única casa de espelhos do mundo em que, além da própria imagem, o feliz visitante também vê algumas das mil caras do pres. Zezinho refletidas.

Aqueles que amam a magia não podem perder o Castelo Encantado do Pres. Zezinho. No castelo, é possível ver o pres. Zezinho em pessoa fazendo seus truques de ilusionismo tão perfeitos que já enganaram mais de 30 milhões de pessoas. Dizem que o Castelo Encantado do Pres. Zezinho teria um túnel que levaria diretamente à Caverna do Ostracismo.

Os pequerruchos udenistas podem se divertir à farta na atração A Turma do Zezinho, onde podem brincar com alguns dos amiguinhos do Maior de Todos os Brasileiros, como Reinaldinho Cabeção,  Arthurzinho “Judoka”; Alvinho  Dândi;  Danielzinho Mendes, o dono da rua; Motinha, o quebra-galho; Arrudinha, o “irmão carequinha do Zezinho”; Ymeldinha, a gauchinha; Geraldinho  Limpinho;  Quequé, o amiguinho que brigou com a turma  mas depois voltaram a ser amigos e o Cachorro-Lagosta.

QUADRILHA: Na Zezinholand, tem festa junina da UDN todo dia.

Comentário da tia Carmela

O Zezinho sempre gostou de parquinhos de diversões. Quando ele era criança, ele sempre pedia pro pai dele levar ele e o Reinaldinho Cabeção no parque. Quando chegava lá em cima na roda-gigante, o Zezinho começava a balançar o assento e gritar “vai cair!”. O Reinaldinho Cabeção se borrava de medo e começava a chorar. E o Zezinho ria…

Link curto deste post: http://wp.me/py9tu-1gV


Dra. Pamonha demite Maulício de Souza, por oldem do Plesidente Zezinho

17 de julho de 2010

A conspilação descobelta não poupava nem as clianças.

O apego à veldade semple demonstlado pelo Mais Plepalado dos Blasileilos, o futulo plesidente Zezinho é uma pungente lição pala todo o povo blasileilo. Ainda que as massas entusiasmadas apóiem-no em sua cluzada, alguns lenitentes ainda teimam em espalhar a falsidade.

Agentes a soldo do usulpador do planalto e de sua usulpadolamilim insistem na disseminação de mentilas soble a existência de um suposto custo elevado de supostos pedágios em São Paulo. O jolnalista Meldoval Pedleila infolmou que se tlata de uma notícia totalmente descabida.

Semple lesoluto, o Plesidente de Nascença lesolveu agir. Acionou a CIAZ (Centlal de Inteligência Alapongas do Zezinho) pala descoblir quem elam as ímpias falanges que foljavam o pélfido e astuto aldil.

Plofissionalismo: o gibão Malcelo Ita está semple plonto pala a plóxima investigação secleta.

O meigo chefe da CIAZ, o gibão Malcelo Ita, logo descobliu o lesponsável.

Tlatase do telível desenhista Maulício de Souza, que tem espalhado plopaganda subliminar contla a maior das lealizações do Almilante do Tietê. Descobliu, também, que o desenhista tem um cúmplice. Tlata-se de um menino caleca e palmeilense, chamado Cebolinha. Memblo de uma quadlilha lidelada por uma menina de vestido velmelho, Cebolinha estalia instalando postos de pedágio falsos nas lodovias de SP, para despeltar a ila dos eleitoles infantis paulistas.

Aconselhado por sua esponja de lecados, Bob Jeffelson, solicitou plovidências à udenojustiça nacional.  Blilhante causídico que é, Bob Jeffelson encaminhou leplesentação histólica à  Patlona das Festas Juninas da UDN, Dra. Pamonha.

A doutola é pamonha, mas tem gente na UDN que se lambuza é de culau.

A plestigiosa líder da UDN na PGN está semple plonta pala tomar as medidas judiciais cabíveis quando alguém discolda do Maior de Todos os Homens Públicos.

Infolmada, a Dra. Pamonha nem espelou que a leplesentação fosse plotocolada e divulgou à implensa amiga, na sua quinta coletiva de ontem, que dalia andamento à ação, desde já destinada à levar à  cassação da candidatula da usulpadolamilim do planalto.

O assessor de implensa malom do plesidente Zezinho,  Sr. Bolat, publicou que a Dra. Pamonha também detelminalá a demissão do lesponsável pelos fatos, Sr. Maulício de Souza.

O desenhistatlololó develá ser intelnado em um Campo de Leeducação Udenista, onde telá aulas soble como desenhar de acoldo com as olientações do plesidente Zezinho. Os instlutoles do campo de leeducação selão o caltunista misógino Sr. Nani e a Sra. Mãe do Sr. Josias.

O menino Cebolinha selá encaminhado pela Vala da Infância e da  Juventude pala medidas sócio-educativas na Juventude Udenista, sob olientação de Maulicinho Tupinambá, o Cacique Melendinha.

Quadlilha: a UDN plepalou uma festa junina pala comemolar a decisão da Dra. Pamonha.

Comentálio da Tia Calmela

O Zezinho semple gostou de gibizinhos. Quando ela cliança, lá na Mooca, ele chamava o Leinaldinho Cabeção e o Helnani, que ela um menino que desenhava bem, e mandava os dois fazelem umas histolinhas. As histólias se passavam no tempo de antigamente, e elam semple de um pelsonagem que o Zezinho inventou, o Lei Zezinho, que vivia conquistando castelos e que todo mundo tinha que obedecer. O Zezinho e o Leinaldinho Cabeção andavam com elas pla cima e pla baixo, e mostlavam pla todo mundo na escola. Ninguém lia as histolinhas, clalo


Serra lança proposta para pré-sal: pedágio em oleoduto

6 de novembro de 2009

Sensibilizado com os apelos lançados pelo Princípe dos Sociólogos desde a Caverna do Ostracismo, o Mais Preparado dos Brasileiros, governador Zezinho, resolveu lançar uma ofensiva para mostrar que tem o que propor para contrapor-se às ações vazias, populistas e ineptas do analfabeto que usurpou o trono que Deus lhe havia concedido.

serra_yeda

O governador dá posse à Presidente da Comissão de Ética do projeto.

O Presidente de Nascença refletiu profundamente sobre os desafios da nação e decidiu fazer uma proposta revolucionária sobre a exploração do pré-sal: pedagiar os oleodutos.

Segundo fontes próximas ao governador, a genial proposta deverá ter os seguintes pontos:

  • O petróleo só poderá circular na rede de oleodutos a ser construída pelo governo do Estado e doada à iniciativa privada, em licitação a ser conduzida pelo senador Tasso.
  • O petróleo e seus derivados, ao passarem por oleodutos, deverão pagar pedágio a cada 20 km, na ordem de R$17,80 por barril.
  • Cada barril de petróleo deverá ter afixado nele um cartaz da proibição de fumar do governo de SP.
  • Os pedágios serão operados pela Tejofran e CCR.
  • Quando a Petrobrás for vendida pelo Mais Decente dos Brasileiros em seu mandato presidencial que tarda mas chegará, as empresas privadas que comprarem a companhia terão desconto de 70% no preço do pedágio. Se a Telefonica participar do negócio, não precisará pagar nem imposto nem pedágio.
brril

Policial de SP experimenta o novo uniforme brindado pelo Melhor dos Governadores: elegância, economia e praticidade.

Ao final do transporte pelo oleoduto, os barris vazios serão distribuídos aos professores, policiais e demais funcionários públicos para uso como uniforme e roupa do dia-a-dia. Como não precisarão mais gastar com vestuário, será possível reduzir em mais 30% os salários dos servidores, além da economia com uniformes. Será provada mais uma vez a grande eficiência do governo do Mais Sábio dos Homens de Bem.

Consta que o Maior dos Economistas convidou Roberto Freire para assumir a coordenação da operação dos pedágios, mas o comedor de criancinhas regenerado gentilmente declinou, afirmando já estar suficientemente ocioso com a sinecura que o Mais Preparado dos Brasileiros lhe arranjou nas estatais de SP.

Comentário da tia Carmela: Uma vez o Zezinho quis inventar um tipo de pedágio para líquidos, quando era criança, lá na Móoca. Ele espalhou na vizinhança que ia faltar água e que só teria água quem comprasse um bônus da companhia que ele estava inventando, a Jacaré S/A. E fez o Reinaldinho Cabeção escrever uns cartazes e colar nos postes com cola de farinha.  Foi até oferecer lá em casa. Depois, ficou muito bravo porque ninguém comprou e disse que aquela rua não merecia alguém como ele.


Com ciúme de si mesmo, Serra cria Pedágio de Internet

26 de outubro de 2009

Num ato de sabedoria até agora não compreendido pelos mortais comuns, o Mais Eminente dos Economistas, o Presidente de Nascença José Serra, lançou uma nova forma de pedágio: o pedágio de internet.

Setores twitteiros do Serrismo aplaudem a medida.

Setores twitteiros do Serrismo aplaudiram a medida: agora teremos uma internet moderna.

Nesta semana, após ter criado novas praças de pedágio nas rodovias paulistas e  um novo serviço de internet lenta, destinado a aumentar os lucros da Telefônica, O Mais Fulgurante dos Engenheiros enciumou-se de si próprio: achou que já estava brilhando demais nessas duas especialidades e resolveu superar-se: criou a Internet Pedagiada.

De acordo com sua assessora para assuntos econômicos, sra. Mirian Cochonne, a nova criação do Homem do Sorriso Mais Bonito e Sincero do Brasil irá revolucionar a inclusão digital, pois incluirá a Tejofran, já pré-selecionada para administrar o pedágio, no rol das empresas digitais brasileiras, com ações negociadas na NASDAQ.

A Sra. Cochonne negou que o Ultra-Economista queira pedagir os viajantes aos céus.

A Sra. Cochonne negou que o Ultra-Economista queira pedagiar os viajantes aos céus.

A brilhante invenção do Presidente Incriado funcionará da seguinte maneira: o sinal de internet, ao viajar pelo ciberespaço, deverá pagar pedágio a cada 20 quilômetros.  Antes que os críticos de plantão iniciassem o trololó petista de sempre, a sra. Cochonne informou que não há motivos de preocupação, pois o pedágio da internet não comprometerá a estonteante velocidade da internet provida pela moderníssima Telefonica no estado de São Paulo.  Não será necessário que o sinal da internet pare nas filas das cabines de pedágio. O pedágio virtual  poderá ser pago -mediante um pequeno acréscimo- com o SEM PARAR, serviço de identificação dos veículos e cobrança no final do mês,  já usado nas cabines de pedágio paulistas.

Comentário da Tia Carmela: Sabe que o Zezinho já cobrava pedágio mesmo antes de ter pedágio nas estradas? Foi depois de ler o livro de história universal do Cesare Cantú.  Lembro que ele costumava botar uma mesinha na calçada da rua dele e ficar sentado atrás dela, com uma capa nos ombros, um chapéu com uma pena, um escudo e uma espada de madeira. Quando passava alguém, ele dizia que era um senhor feudal e que para atravessar seus domínios tinha que pagar um pedágio, como nos tempos antigos.  Os adultos achavam graça e às vezes davam uma moeda pra ele comprar doce.


Nova obra de Serra, a transposição do rio Tietê

22 de outubro de 2009

Enciumado com a repercussão da visita do usurpador da presidência da república às obras de transposição do rio S. Francisco, o Mais Preparado dos Gênios Nacionais, o governador Zezinho, resolveu anunciar uma obra mais espetacular, que mudará a geografia da cidade de S. Paulo e, por consequência, de todo o Brasil: a transposição do Rio Tietê.

População do Alto de Pinheiros comemora: agora não faltará mais água.

População do Alto de Pinheiros organizou festa para comemorar: agora não faltará mais água.

Em reunião ministerial de seu secretariado, o Mais Economista dos Economistas anunciou sua sapientíssima decisão.  Após cinco minutos de aplauso, um momento de estupefação: um de seus assessores informou que essa obra já havia sido realizada há mais de 80 anos. O Mais Preparado dos Filhos da Terra reagiu, revoltado:
– Como assim? Você está louco? Eu acabo de ter esta idéia! E só eu poderia tê-la!!!
– Mas, ó Grande Governador deste Estado-Locomotiva, uma transposição do Tietê foi realmente feita pela Light,nos anos 20. Funciona assim: o curso do rio pinheiros, afluente do Tietê, foi canalizado e é invertido por usinas elevatórias. Com isso, muda de sentido e as águas do rio tietê são bombeadas através dele até as represas de Guarapiranga e Billings. De lá, elas caem serra abaixo até a usina Henry Border, em Cubatão.
– Que negócio é esse de serra abaixo? Você está fazendo piada comigo? Fora daqui!
– Mas… governador…
– Fora! Está demitido!

Apesar  do constrangimento, o Governador Luminar deu ordem para que se iniciassem os trabalhos pela parte mais importante, ou seja, a propaganda. Imediatamente os assessores de comunicação do Engenheiro-Economista-Sábio mobilizaram-se.

Segundo nota da assessora de imprensa do Presidente de Nascença, sra. Miriam Cochonne, divulgada em seu programa na Rádio CBN, a nova obra significará a mudança de paradigma do saneamento, da política ambiental, da política educacional, do transporte, do desenvolvimento econômico e da cultura nacional.  Ainda segundo a sra. Cochonne, a transposição do Rio Tietê, integrada à ampliação das avenidas marginais do rio, exigirá obras de engenharia de enorme envergadura e complexidade, e que apenas serão possíveis graças à enorme capacidade técnica e gerencial do Grande Engenheiro da Nação que governa o Estado.

Os complexos projetos da obra vazaram para a imprensa e são apresentados abaixo.

Os projetos da obra que vazaram para a imprensa:as linhas vermelhas e amarelas mostram a localização dos novos canais

No mapa acima, pode-se ver a rede de canais que será construída para transpor as águas do Rio Tietê para vários locais da cidade onde há falta d’água devido às dificuldades orçamentárias da SABESP. A companhia de saneamento paulista enfrenta escassez de recursos para investimentos, por conta de sua publicidade no Acre, essencial para o desempenho de sua missão.

A transposição do Tietê beneficiará o Nordeste

A transposição do Tietê beneficiará o Nordeste

Mas o principal benefício da obra é o fato de que a água do Tietê servirá também ao Nordeste do Brasil, mostrando o amor e a generosidade do povo paulista para os nordestinos, como se pode ver no projeto ao que vazou para a imprensa, preparado pela assessoria cartográfica da Secretaria de Educação do Governo de São Paulo.

Na cerimônia de anúncio da obra, transmitida em rede nacional, ao lado de seu assessor para assuntos nordestinos, o sr. Dominguinhos, o Macro-Governador demonstrou todo o seu conhecimento e apreço pela Região Nordeste. Apresentou no mapa os canais pelas quais as águas Tietê seguirão até os estados da região para matar a sede dos famélicos nordestinos. Com isso, o Hiper-Governador pretende fazer com que os nordestinos possam ficar em confortável ociosidade em seus estados de origem, evitando que venham para São Paulo poluir a água do chafariz do Anhangabaú e abaixar a qualidade da educação do Estado.

Em uma singela homenagem ao falecido governador Mário Covas, o Ultra-Governador anunciou que a obra será denominada Complexo de Canais Transpositórios Mário Covas. Também as estações de bombeamento de água, no total de 171, serão chamadas Estação de Bombeamento Mário Covas 1, 2, 3 e assim por diante. Presente na homenagem, o filho do falecido governador, Zuzinha, comoveu-se com o anúncio e ao saber que os canais serão navegáveis e pedagiados. Abraçado ao emocionado filho de Covas, o senador Tasso imediatamente sacou de seu celular e iniciou negociações para a exploração das obras.

A nota desagradável do lançamento foi o amuamento do assessor de imprensa do Multi-Governador, o famoso jornalista Reinaldinho Cabeção. Consta que o famoso colunista magoou-se pelo fato da primazia do anúncio ter cabido à sra. Miriam Cochonne, por razões ignoradas. Mas, após um  gesto do governador ordenando-lhe que lhe servisse um café, o sorriso voltou ao rosto do prócer do jornalismo pátrio.

Comentário da Tia Carmela: O Zezinho sempre gostou de brincadeira com água. Uma vez, quando ele era criança lá na Móoca, ele foi com os meninos jogar bola em um campinho que tinha perto do córrego Cassandoca, que ainda não tinha sido canalizado. Quando eles passaram por cima de uma pinguela sobre o córrego, que já era sujo porque jogavam esgoto nele, o Zezinho deu um empurrão no Raimundinho, filho do seu Severino, que era um pedreiro pernambucano que morava lá perto. O Raimundinho caiu naquela água suja e o Zezinho e os amiguinhos dele ficaram rindo e dizendo: agora não falta mais água pra vocês…


Com ciúme da Rio 2016, Serra promove campeonato de amarelinha em SP

3 de outubro de 2009

A escolha do Rio para a sede das olimpíadas trouxe grandes transtornos à “gente bonita” do partido cleptotucano paulista. Já indignados com a vitória da decadente e anti-tucana ex-capital federal, desesperaram-se ao ver o analfabeto sem classe Lula e sua ministra e candidata Dilma aparecerem na televisão dando entrevistas e colhendo os louros. FHC pediu seus sais, Tasso correu para seu jatinho para fazer reuniões com seus parceiros comerciais para tentar lucrar algum, Alvaro Dias e José Agripino olharam-se entre lágrimas e deram-se as mãos buscando consolo mútuo no plenário do Senado.

O criador do esporte foi proibido por Serra de participar da cerimônia de anúncio

O criador do esporte foi proibido por Serra de participar da cerimônia de anúncio

Mas  o Grande Líder da  Locomotiva da Nação, o Presidente de Nascença José Serra, resolveu o problema da auto-estima tucana de uma só de suas sábias e corajosas decisões:  neste sábado fará anúncio, em cadeia nacional pelo JN, da realização do Primeiro Campeonato Mundial de Amarelinha, em São Paulo.

O Mais Preparado dos Brasileiros   demonstrou toda sua capacidade de articulação internacional em uma reunião de emergência com o Comitê de Amarelinha da Lapa, Higienópolis, Tatuapé e Ipiranga (CALAHTI). Os membros do Comitê, consternados com a malaise tucana, aprovaram por unanimidade a promoção do magnífico evento esportivo na Capital de Facto da nação. Foi vital para a decisão o discurso do Presidente do CALAHTI, Roberto Freire, cujo entusiasmo visível foi fortalecido pela oferta de mais uma vaguinha em um conselho de administração de uma estatal paulista.

Pista de amarelinha implantada em escola paulista por consultoria educacional tucana. Secretário diz que crianças é que são burras por não saber usar.

Pista de amarelinha implantada em escola paulista por consultoria educacional tucana.

O Secretário Estadual da Microsoft, Paulo Renato, anunciou imediatamente a contratação de uma associação de educadoras tucanas para a implantação de pistas de amarelinha em todas as escolas do Estado. De acordo com modernos preceitos pedagógicos, a amarelinha proposta pelas educadoras tucanas não tem inferno como ponto de partida e céu como ponto de chegada. Em seu lugar utilizam-se as palavras Brasil e São Paulo, respectivamente.

Questionado sobre o fato de se colocar a amarelinha na parede (veja foto ao lado), o que impede que as crianças pulem, o  Secretário disse que as crianças pobres é que são burras por não saber usar o maravilhoso equipamento concebido pelas educadoras tucanas.

A iniciativa do Maior de Todos os Brasileiros contou com imediata adesão mundial. Já anunciaram apoio e participação no evento:

  • Federação Venezuelana Antichavista de Amarelinha
  • Associação Curitibana de Amarelinha
  • Federação de Amarelinha do RS
  • Federação de Amarelinha do Jardim Europa
  • Federação de Amarelinha de Tegucigalpa
  • Confederação Colombiana de Amarelinha
  • Clube Paineiras do Morumbi
  • Club Athetico Paulistano

Com relação aos investimentos, o Futuro Maior Presidente da Nação informou que na próxima semana serão iniciadas as obras do Estádio Mário Covas de Amarelinha, do Centro Mário Covas de Treinamento de Amarelinha e da Vila Amarelinha Mário Covas.  Uma nova rodovia, a Rodovia da Amarelinha Mário Covas será construída ligando as três majestosas instalações. Imediatamente após tomar a decisão, o governador começou a reclamar do governo federal sobre a demora para a liberação dos recursos para a construção.

Projeto do Estádio de Amarelinha a ser construído

Projeto do Estádio de Amarelinha a ser construído

Mas a grande revelação foi deixada para o final da cerimônia, trazendo clímax e fazendo a platéia exultar com tanta competência: o Economista de Ouro anunciou que o Campeonato Mundial de Amarelinha trará uma inovação: pela primeira vez na história, haverá pedágio na pista de amarelinha. Assim, os atletas participantes deverão, a cada 2 casas da amarelinha, pagar um pedágio de R$ 17,80.  A empresa Tejofran já foi contratada para administrar esse pedágio, através de um aditamento do contrato de limpeza do Palácio dos Bandeirantes. O recurso arrecadado com o pedágio será utilizado para financiar a campanha de publicidade para a proibição do filme Salve Geral.

Comentário da Tia Carmela: o Zezinho sempre gostou de amarelinha. Lembro que quando ele era bem menino, na Móoca, ele ficava brincando de amarelinha com a Martinha, filha da dona Rita de Cássia, que era vizinha deles. Ele costumava chamar o Reinaldinho Cabeção, o amiguinho puxa-saco que ele tinha, para brincar com eles. Mas na verdade o Reinaldinho Cabeção mal brincava: a tarefa dele era fazer uma medalha com fita verde-amarela e uma tampinha de garrafa e colocar no peito do Zezinho, dizendo que ele tinha sido campeão, mesmo quando era a Martinha quem ganhava. Depois o Reinaldinho Cabeção escrevia nas paredes da rua: Zezinho, Campeão de Amarelinha.