Injustiça: Cachorro-Lagosta foi hostilizado em manifestação da UDN

13 de abril de 2015
DECEPCIONADO: O líder da ala canina da UDN saiu cabisbaixo da manifestação animalesca.

DECEPCIONADO: O líder da ala canina da UDN saiu cabisbaixo da manifestação animalesca.

O Mais Preparado dos Brasileiros, o senador e futuro presidente Zezinho, está muito triste com o resultado da manifestação de ontem contra o governo da usurpadora do planalto.

A causa da tristeza do Presidente de Nascença não é tanto a desidratação do movimento, que em menos de um mês viu-se reduzido a um décimo do que havia sido.

O fato que mais afligiu o Maior dos Filhos da Mooca foi o tratamento vil dispensado ao seu fiel correligionário, o Cachorro-Lagosta, líder da ala canina da UDN.

O pobre animalzinho  foi hostilizado na manifestação da UDN na Av. Paulista por estar usando sua tradicional roupinha vermelha de lagosta.

ARMADILHA: Os eleitores infantis paulistas pensaram que a roupinha de lagosta era uma armadilha dos comunistas para caçarem criancinhas para o jantar.

ARMADILHA: Os eleitores infantis paulistas pensaram que a roupinha de lagosta era uma armadilha dos comunistas para caçarem criancinhas para o jantar.

Aos gritos de “Petista bom é petista morto!” e “Vestiu vermelho, vai entrar no relho!”, entre outros cantares de democracia, os eleitores infantis paulistas que exigiam a revogação da Lei 3.353 e a implantação imediata do Acordo Caracu Brasil-EUA, no qual o Brasil entrará com a segunda parte, investiram ferozmente  contra o importante líder udenocanino.

Atacado com fúria irracional, o pobre bichinho teve uma das patas de lagosta arrancadas e viu-se obrigado a deixar a manifestação. Depois, já a salvo em sua casinha, o Cachorro-Lagosta confidenciou a amigos que pensou que ia ter um destino pior que a carrocinha, na mão dos próprios correligionários. “Mas tudo bem, não é a primeira vez que sou traîdo pelos comparsas da UDN, mas vou continuar fiel aos meus princípios e ao senador Zezinho”, comentou, resignado.

Equívoco

Vários líderes da UDN que constituem a Reserva Moral da Nação mostraram-se preocupados com o ocorrido. O Almirante do Tietê telefonou ao menino prodígio que liderava a manifestação para reclamar do ocorrido.

O jovem líder da ala fuzilo-infantil da UDN justificou-se no facebook. Postou que tudo não passou de um equívoco e que pensou que era um cachorro petista. Se fosse, mesmo, o certo seria dar-lhe um tiro na testa, como se deve fazer com todos os petistas, e transformá-lo em sabão para limpar o Brasil da corrupção e da CLT.

QUADRILHA: A UDN está preparando um belo estande de tiro ao petista para sua próxima festa junina infantil no playstation.

QUADRILHA: A UDN está preparando um belo estande de tiro ao petista para sua próxima festa junina infantil no playstation.

A mensagem já ganhou 150 milhòes de curtidas de eleitores infantis paulistas, segundo a PM de São Paulo, e 120 milhões, segundo o Datafolha.

Procurado, o pai do destemperado pirralho não deu entrevista nem um corretivo no moleque malcriado, pois estava ocupado gerenciando o negócio de desmanche de carros roubados da família.

Comentário da tia Carmela

Quem dorme com criança amanhece mijado.


Churrasco do Pres. Zezinho na Caverna do Ostracismo foi um sucesso total

15 de maio de 2011

ESPECIALISTA: A cleptoprenda da Caverna Ostracismo acendeu o fogo e assou as carnes.

O Mais Preparado dos Brasileiros, o futuro pres. Zezinho, ofereceu ontem um maravilhoso churrasco em sua atual residência, na Caverna do Ostracismo, fundos, no simpático bairro paulistano de Higienópolis.

O Presidente de Nascença convidou para o evento alguns dos principais líderes da UDN, e a maioria compareceu animadíssima.

O churrasco atraiu muita gente de bons odores para Higienópolis. O primeiro a chegar foi o seu ex-menino de recados, Sr. Bob Freire que, como é de conhecimento geral, não perde uma boquinha por nada desse mundo.

Outro importante correligionário da UDN que, logo no começo, já estava grudado na churrasqueira esperando sair qualquer coisa foi o Sr. Maciel, um mapa do Chile sem função que foi largado na Caverna do Ostracismo em fevereiro. O Sr. Maciel aparentava estar faminto, já que falharam suas tratativas com o pitta de estimação do pres. Zezinho, que lhe oferecera uma boquinha.

Uma gentalha petista tentou estragar o evento, fazendo arruaça nas cercanias da Caverna do Ostracismo, como se vê no vídeo abaixo:

Essa gente diferenciada era apenas um punhado de desocupados, e os eleitores infantis do bairro não deram ouvidos a eles.

MIOPIA: Petistas e míopes viram centenas de pessoas na arruaça, mas o jornalista macrocéfalo corrigiu e disse que eram apenas 30 pares.

Segundo um importante jornalista macrocéfalo, os baderneiros eram apenas trinta pares compostos por um maconheiro e um petista, ainda por cima traidores de classe que, revoltados com seus pais, resolveram sair fazendo arruaça por aí.

Prestígio na imprensa

Além dos importantes udenistas que compareceram,  também se notava a presença de muitos jornalistas de programa.  Circulando com desenvoltura na Caverna do Ostracismo, os periodistas eram só elogios à iniciativa do Maior dos Filhos da Mooca.

A mais empolgada era a Sra. Elaine Tacanhede, que fazia a cobertura ao lado de seu marido, antigo serviçal do pres. Zezinho.  A importante feromonornalista declarou, logo ao entrar: isto sim é cheiro de churrasco! Lá fora aquela gente está fazendo um churrasco que fede a sebo! Eles nem devem saber onde é a Bassi, disse ela, horrorizada com a gentalha diferenciada que badernava do lado de fora.

FETICHE: Certos jornalistas fazem qualquer coisa para participarem dos eventos da UDN.

A nota triste do evento foi o desentendimento entre o bhost-righter do pres. Zezinho, sr. Reinaldinho Cabeção, e o  Cachorro-Lagosta. O importante líder udenocanino não gostou da brincadeira que o jornalista das 50 mil razões fez. Reinaldinho Cabeção compareceu ao churrasco vestido com uma fantasia de lagosta, e o simpático cãozinho perdeu a fleuma.  Investiu contra o jornalista das 50 mil verdades, gritando: “o único quadrúpede udenista que pode usar roupa de lagosta sou eu!”e aplicou vigorosa mordedura na flácida nádega direita do Sr. Reinaldinho Cabeção.

Sempre preocupado com a harmonia e a concórdia, o pres. Zezinho deu uma reprimenda nos dois brigões. Disse que o Cachorro-Lagosta devia se comportar melhor, e mandou-o para a casinha, pensar no que fez. Para o Sr. Reinaldinho Cabeção, o Almirante do Tietê disse: “Quantas vezes já lhe falei para deixar essas fantasias de lado? Por isso você vive passando vergonha por aí. Todo mundo ri da sua cara por causa dessas suas fantasias idiotas!”

Comentário da tia Carmela

QUADRILHA: Nas festas juninas da UDN, a barraca do churrasco e a quadrilha sempre estão presentes.

O Zezinho sempre gostou de churrasco. Uma vez, fizeram um churrasco na vizinhança, e ele foi com o Reinaldinho Cabeção e com um amiguinho deles, o Marquinho, um menino tão magrinho que, coitado, acho que estava passando necessidade.  Eles comeram tanto no churrasco, que o dono da casa uma hora teve que falar pra eles deixarem alguma coisa para os outros. Aí o Zezinho ficou bravo e disse que isso era um absurdo, onde já se viu, ele era o convidado mais importante. O Reinaldinho Cabeção logo emendou, dizendo que aquele era um churrasco  de uma gente muito chinfrim e que eles deviam agradecer pelo Zezinho estar lá. E começou a botar defeito no churrasco, dizendo que a carne era ruim, as bebidas estavam quentes, as pessoas estavam mal vestidas… Enquanto isso, o Marquinho aproveitou a confusão e, discretamente, pegou uns espetinhos e saiu correndo pra fazer sua boquinha escondido…


Escândalo Pedigree: Cachorro-Lagosta nega envolvimento em desvio de ração

2 de maio de 2011

INGRATIDAO: O Cachorro-Lagosta exigiu um tratamento mais humano para os udenistas que comanda: "sempre fomos leais, por que a discriminação?"

O Mais Preparado dos Brasileiros, o futuro pres. Zezinho, está bastante preocupado com o desenrolar do Escândalo Pedigree, como está sendo chamado o novo escândalo envolvendo a UDN.

O Presidente de Nascença tem feito tudo para identificar os supostos culpados pelo suposto desvio de supostos recursos do suposto fundo partidário para suposta ração de supostos cachorros da suposta sede da UDN.

Na manhà de ontem, o Maior dos Filhos da Mooca convocou uma reunião com as principais lideranças da ala udenocanina  da agremiação.

Na reunião, ocorrida no canil da Caverna do Ostracismo, a principal estrela dentre a cachorrada da UDN, o sr. Cachorro-Lagosta, rechaçou com veemência as acusações de que estaria envolvido do escândalo.

CACHORRADA: líderes da UDN temem que o escândalo faça uma parte dos caninos abandonar a agremiação.

Em uma manobra ágil, o simpático líder udenocanino inverteu o jogo, e passou de acusado a acusador.  Além de negar veementemente qualquer ligação com o desvio de recursos para aquisição de ração, mostrou reportagens que provavam que a ala canina da UDN vinha sendo consistentemente discriminada pela direção udenista.

Segundo as reportagens, a direção da UDN  alimenta os canídeos  da agremiação com ração de má qualidade.

Em discurso raivoso, o Cachorro-Lagosta desafiava: “Duvido que os não-caninos da Caverna do Ostracismo sejam submetidos a esse tipo de tratamento degradante!”

Irritado com o encaminhamento que o caso estava tomando, o pres. Zezinho resolveu acalmar a cachorrada, e solicitou a ajuda de sua alma gêmea, o sr. Demoarruda Bauducco.

GULOSO: Todo mundo sabe que Brutus adora o panetone de Demoarruda Bauducco.

Orientado pelo Almirante Tietê, o importante líder udenista da Papuda prontamente iniciou a distribuição de panetone com sabor biscrok, de imediato devorado pelo Cachorro-Lagosta e seus seguidores. Até Brutus, filho do imperador  da UDN carioca,  César, participou da farra.

Como sempre, a distribuição de panetone acalmou os ânimos dos udenistas, mas não se sabe por quanto tempo, já que não costumam ser fáceis de contentar.

O pres. Zezinho  encomendou a seu jornalista de aluguel favorito, sr. Merdoval Pedreira, uma bela matéria dizendo que a notícia do desvio de ração pela UDN é totalmente descabida. acusando o ex-usurpador do planalto e o PT pelo desvio de recursos do fundo partidário da UDN.

O jornalista Reinaldinho Cabeção também participará da operação abafa. Em seu blog publicará que a culpa é de Nego, o cão afrodescendente  que o demoníaco José Dirceu infiltrou no Palácio do Alvorada, segundo a versão já do periodista das 50 mil razões.

QUADRILHA: Apesar do mal-estar, a ala canina da UDN vai participar da festa junina da agremiação.

Comentário da tia Carmela

O Zezinho nunca foi de dar comida boa para os cachorros. Uma vez,  a mãe dele comprou fígado para dar para o cachorro deles, misturado com arroz e uns restos de comida. O Zezinho pegou o fígado, tirou da tigela do cachorro e depois colocou no meio de um pão e levou para a escola. Na hora do recreio, ele pegou o sanduíche e deu para o Reinaldinho Cabeção, dizendo: “Como você é meu amigo, trouxe um sanduíche para você”. O Reinaldinho Cabeção quase chorou de alegria e comeu o sanduíche rapidinho. Quando terminou, o Zezinho falou que era comida que tinha tirado da tigela do cachorro dele. A molecada toda ficou rindo da cara do Reinaldinho Cabeção. Mas ele só falou: “Não tem problema, receber um presente seu é sempre maravilhoso”.


Cachorro-Lagosta apóia Merdoval Pedreira para a Academia

5 de abril de 2011
Os eleitores infantis paulistas acreditam que o Sr. Merdoval (direita) conta com o apoio das pessoas mais inteligentes do Brasil.

Os eleitores infantis paulistas acreditam que o Sr. Merdoval (direita) conta com o apoio das pessoas mais inteligentes do Brasil.

O Mais Preparado dos Brasileiros, o futuro presidente Zezinho, conseguiu, em mais uma hábil manobra política, evitar a divisão interna da UDN nas eleições para a Academia Global de Letras, Números e Risquinhos (AGL).

O Presidente de Nascença conseguiu neutralizar movimentos de lançamento de uma candidatura alternativa à do grande periodista Merdoval Pedreira (UDN-RJ).

Setores da UDN, ao que parece insuflados pelo Faraó das Alterosas, teriam convencido o líder da seção canina da UDN, Sr. Cachorro-Lagosta, a candidatar-se à imortalidade acadêmica.

O Cachorro-Lagosta leu mais livros que a média do eleitorado da UDN.

O Cachorro-Lagosta ainda argumentou que leu mais livros que os jornalistas da Veja, mas não funcionou.

Esta jogada sórdida serviria para  desfazer a unidade udenista e colocar em risco a eleição do famoso jornalista de estimação do pres. Zezinho.

 

O Sr. Merdoval usou um forte argumento para convencer o pres. Zezinho a intervir: disse que era tão obediente quanto o Cachorro-Lagosta, com a vantagem de ter amigos em importantes órgãos da imprensa mais vendida do Brasil.

Comportamento intolerável

O divisionismo no regaço da UDN não poderia ser tolerado pelo Maior dos Filhos da Mooca, sempre comprometido com  a harmonia e concórdia nas hostes udenistas. Por isso, o pres. Zezinho resolveu agir com a habitual presteza.

ARGUMENTO SECRETO: A UDN nega, mas o Prof. Cesar trouxe Lassie para ajudar a convencer o Cachorro-Lagosta.

Consultou o Prof. Cesar Milan, Ph.D. orientador do Cachorro-Lagosta em seus estudos na Cornell University, que lhe explicou que o comportamento do cãozinho era intolerável e merecia uma reprimenda.

Então, o  Mais Genial dos Homens Públicos chamou o Cachorro-Lagosta à sua casa e deu-lhe comandos claros: “Senta! Fica! Finge de morto! Retira a candidatura!”

O simpático mascote da GRES Unidos da UDN obedeceu prontamente e ganhou um biscrok como prêmio.

Em nota à imprensa, a importante liderança udenocanina declarou que não guardava máguas da decisão do pres. Zezinho:

QUADRILHA: Importantes líderes das festas juninas da UDN ligaram para o Cachorro-Lagosta para agradecer e prometeram uma grande festa em homenagem ao udenocanino.

“Ele me convenceu que era o melhor para nossa matilha e eu apenas segui meu instinto e obedeci o nosso macho-alfa; estou muito feliz por fazer parte desta matilha e por ser liderado pelo Maior dos Brasileiros”, disse o Cachorro-Lagosta.

Comentário da tia Carmela

A tia Carmela disse que não aguenta mais ver o Cachorro-Lagosta ser humilhado toda hora pelo Zezinho, que só coloca o cachorrinho em roubadas, como ser presidente da UDN, mas que, quando o osso é bom, sempre tira da boca do Cachorro-Lagosta para oferecer para seus outros animais de estimação.


Cachorro-Lagosta será o novo presidente da UDN

7 de dezembro de 2010

O pres. Zezinho declarou: "O Cachorro-Lagosta é o melhor quadro que a UDN já produziu, depois de mim."

O Mais Preparado dos Brasileiros, o futuro presidente Zezinho, anunciou hoje que não pretende assumir a presidência da UDN.

Para o Presidente de Nascença, faria pouca diferença o cargo de síndico da pujante agremiação política, uma vez que, com cargo ou sem cargo, é o maior de seus líderes em todos os tempos.

Modesto, o Mais Competente dos Homens Públicos afirmou que seu interesse não são cargos ou honrarias, mas sim servir à Pátria.

Em um primeiro momento, a decisão do pres. Zezinho causou consternação na malta udenista. Mas a angústia logo dissipou-se, quando o Maior dos Filhos da Mooca anunciou o nome de seu preferido.

Trata-se do Cachorro-Lagosta que deverá presidir a adorável força política que agrupa a nata da política brasileira.

Cansaço: O atual síndico da UDN não vê a hora de passar o bastão.

Conhecido por sua lealdade, o líder udenocanino apresenta um temperamento calmo, porém firme, combinando a disposição para enfrentar inimigos coma docilidade com os membros do bando.

Nome aprovado

Em consultas informais  realizadas junto aos moradores do Retiro do Udenista o nome do Cachorro-Lagosta teve ampla aceitação.

A boa recepção ao nome do Cachorro-Lagosta no valhacouto localizado na Caverna do Ostracismo, fundos, deveu-se ao fato de que, ao contrário de muitos udenistas de escol, manteve-se fiel e obediente aos comandos do pres. Zezinho (senta!, deita!, rola!, fica!), mesmo nos  momentos mais difíceis.

Equilibrado, o simpático udenocanino costuma manter-se equilibrado em situações de tensão, jamais atacando sem receber a devida ordem (pega!).

Análises químicas mostraram que o Cachorro-Lagosta tem um olfato melhor que o dos concorrentes.

Também pesou a favor do Cachorro-Lagosta a acuracidade de seus sentidos.

Ao contrário de alguns udenistas de vida desregrada, o prestigioso cãozinho tem um excelente faro, pois suas cavidades nasais são bem desenvolvidas e não foram submetidas a desgastes desnecessários.

A decisão sábia do pres. Zezinho joga uma pá de cal nas descabidas pretensões de Tancredo Neves, que pretendia assumir a presidência da UDN e mudar sua sede para o novo Centro Administrativo que construiu no Cemitério de São João del Rey.

A obra sofreu duros ataques de muitos udenistas, porque o sr. Tancredo não utilizou-se dos serviços do grande engenheiro Paulo Caixa Preta 2, assessor para assuntos propinoviários do pres. Zezinho, preferindo uma solução caseira.

Comentário da tia Carmela

QUADRILHA: UDN fez uma bela festa junina para homenagear o Cachorro-Lagosta.

O Zezinho sempre gostou de treinar vira-lata. Uma vez, ele ensinou o vira-lata do Reinaldinho Cabeção a sentar e bater palmas. Era assim: sempre que o Zezinho chegava na casa do Reinaldinho Cabeção, o vira-lata do Reinaldinho Cabeção sentava e começava a bater palmas. Aí o Zezinho dizia: “muito bem, pode abanar o rabo, agora.” E o vira-lata do Reinaldinho Cabeção então levantava e ficava abanando o rabo para o Zezinho, todo contente.


Religiosos impõem novo vice para o Pres. Zezinho

7 de outubro de 2010

Os bispos infantis paulistas provaram que o demônio usa roupa de petista e lê livros proibidos.

O Mais Preparado dos Brasileiros, o futuro presidente Zezinho, é um homem muito religioso. Felizmente, os homens santos reconhecem sua profunda fé e bondade. Não sem motivo, o Vaticano já providenciou sua beatificação in vita, que deverá ser concluída no dia 31 de outubro próximo.

Por conta da fé e devoção do Presidente de Nascença, os religiosos têm influenciado a campanha do Mais Cristão dos Servos de Deus. Suas opiniões têm sido sempre ouvidas pelo Maior dos Brasileiros.

Acolhendo os sábios conselhos de seus diretores espirituais, o pres. Zezinho vai mudar o vice de sua chapa nas eleições já ganhas deste ano.


PARANORMAL: O Pe. Quevedo tem um parecer polêmico sobre a moral cristã de Soninha Copélia e do pres. Zezinho.

De acordo com informações enviadas a este blogue pelo famoso clérigo paranormal Pe. Quevedo, circulam rumores de que o Mais Competente dos Brasileiros deverá substituir o tupinambá Cacique Merendinha por outro vice, mais adequado aos profundos valores cristãos professados pelo Presidente de Nascença e seus correligionários da UDN.

Ainda segundo o respeitadíssimo sacerdote, especialista em assombrações e coisas-ruins, o pres. Zezinho recebeu recomendações dos bispos Nelson, dom Benedito  e dom Airton  para fazer a troca.

O jornalista Merdoval Pedreira (direita) disse que é descabida a informação de que os bispos cometeram crime eleitoral só porque fizeram propaganda eleitoral pouco verdadeira no dia da eleição.

Para os epíscopos amigos da Verdade, o silvícola, na sua condição de pagão, não seria digno de assumir a presidência durante as viagens do Iluminado da Mooca para a Disneylândia, com objetivo de negociar com o sr. Mickey Mouse o Acordo CARACU EUA-Brasil.

Parte dos prelados estaria preocupada também com o risco de que o selvagem do Leblon entregue-se à antropofagia, devorando as inocentes criancinhas que terão sido salvas da sanha abortiva da usurpadora do planalto pela vitória do Mais Piedoso dos Homens.

O representante da Cia. de Jesus de Caça a Fantasmas informa que o Cachorro-Lagosta será o novo vice. Mas esta informação está equivocada.

De fato, o único udenista fiel chegou a ser cogitado pelo conselho ecumênico reunido pelo pres. Zezinho para escolher o novo vice. Chegaram a propor o slogan: O Cachorro-Lagosta também é fiel!

Mas o simpático líder udenocanino foi descartado porque se descobriu que a suposta foto de seu suposto batismo na verdade era uma foto do canino em dia de banho no petshop.


Jornal da Diocese de Guarulhos já alertava em 10/2/1980: nasceu no ABC um diabo para destruir os valores cristãos.

Além disso, suspeita-se que o Cachorro-Lagosta professe alguma religião satanista, e suas vestimentas vermelhas são apontadas pela lacraia de estimação do pres. Zezinho como evidência suficiente do seu satanismo canídeo.


Transfiguração maléfica: O Cachorro-Lagosta mostrou sua verdadeira face demoníaca.

Agora convertido em homem santo, o ex-maconheiro, ex-defensor do casamento gay, ex-defensor do aborto, ex-comunista e ex-engraxate do pres. Zezinho no Rio de Janeiro, o sr. Gabeira, é o mais cotado pelas crédulas Eminências para substituir o indígena incréu.

Segundo fontes de Higienópolis, o ex-ateu FHC apóia a ideia.

O ex-pensador, na verdade, está desesperado para arrumar uma ocupação para o ex-guerrilheiro, pois não aguenta mais as ladainhas do seu novo vizinho na Caverna do Ostracismo, fundos.

Comentário da tia Carmela

QUADRILHA: UDN fez uma festa junina para comemorar o novo vice e inaugurar a nova sede da campanha do pres. Zezinho (Rua Martim Francisco, SP).

Isso de ouvir padre o Zezinho nunca foi de fazer.  Quando ele era criança, na Mooca, às vezes a mãe mandava ele ir se confessar lá na Igreja São Rafael. Ele contava dois ou três pecados, só, mas como o padre já conhecia o Zezinho, passava logo uma penitência bem grande. Depois, comentava com o sacristão: “pra esse moleque eu nem preciso ouvir nada; ele faz tanta coisa errada que eu passo logo uma penitência bem grande, porque com certeza ele merece”. O problema é que o Zezinho dizia para o padre que estava arrependido e ia fazer a penitência, mas nunca fazia…


Revista Veja desmascara o Cachorro-Lagosta

19 de setembro de 2010

Graças à revista mais vendida do Brasil, o Mais Preparado dos Brasileiros, o futuro presidente Zezinho, descobriu uma terrível verdade: o Cachorro-Lagosta é membro da conspiração de arapongas petistas que tenta desestabilizar sua candidatura.

De acordo com o blogue Quanto Tempo Dura?, o fato ocorreu durante a reunião semanal de pauta que o Presidente de Nascença costuma fazer no valhacouto da famiglia responsável pela revista. O Maior dos Brasileiros indignou-se ao ver a capa da edição do próximo dia 25, mostrando  o seu ex-fiel seguidor, o Cachorro-Lagosta, mancomunado com o usurpador do planalto e outras figuras reprováveis da política nacional.

Durante todo o tempo, era o Cachorro-Lagosta quem sussurava no ouvido do usurpador do planalto os planos para acabar com a democracia.

A lacraia de estimação do presidente Zezinho revelou a origem do dinheiro fotografado. Segundo o portátil jornalista peçonhento,   a montanha verde na foto da capa é o dinheiro que o antigo assessor do Presidente de Nascença teria desviado da vaquinha feita pelos amigos que gostaram muito do Robanel.

Mas prova definitiva foi dada pelo importante jornalista e coprólogo,  sr. Augusto do Rego Nunes, que revelou que o Cachorro-Lagosta é, na verdade, primo em terceiro grau de um cachorro que era vizinho de um outro cão que tomava banho no mesmo pet-shop do subversino canino Nego, que trabalha para a usurpadora-mirim do planalto.

QUADRILHA: UDN fez uma festa junina para comemorar o fim do mistério e convidou os leitores que acreditaram na reportagem.

Ao saber dos fatos, o Almirante do Tietê não quis acreditar. Em prantos, apenas dizia: “isto não é possível”. Foi consolado pelo seu assessor de imprensa, Reinaldinho Cabeção, que exibia um sorriso mal-disfarçado no canto da boca: “Esse vira-lata nunca me enganou, ele é como os outros, mas nós sempre estaremos aqui com o senhor.”

Comentário da tia Carmela

Essa revista não é aquela que entregava aqui em casa, antigamente? Faz muito tempo que ninguém lia, mas eles continuavam mandando de graça. O único que gostava era o Totó, que pegava a revista e saía pela casa rasgando e espalhando papel por todo lado. Mas, depois, ele também enjoou…