Escândalo: UDN denuncia ponte inacabada sobre o Rio Negro

Lideranças da UDN de todo o Brasil, sob a batuta sempre firme do Mais Preparado dos Brasileiros, o futuro pres. Zezinho, criticaram duramente a nova obra faraoamazônica do lulopetismodilmismo: a ponte sobre o Rio Negro, ligando Manaus a Iranduba.

REVOLTA: os eleitores infantis paulistas criticaram a obra e disseram que a ponte Onestes Quercia é mais bonita e não serve de caminho para índio e onça.

O Presidente de Nascença e o grande poeta romano-manauara, Virgílius, anteciparam-se à Revista Mais Vendida do Brasil e denunciaram o novo escândalo que promete acabar com o governo da usurpadora-mirim do planalto.

Os dois encabeçaram manifesto criticando o desperdício de dinheiro público. O pres. Zezinho lamentou a decisão do governo e disse que não faz sentido construir  uma ponte de 3,6 km em um fim-de-mundo como a Amazônia, quando ainda há tanto a fazer nos lugares civilizados do país (Higienópolis, Curitiba, Leblon e Barra do Sahy).

INJUSTIÇA: O Maior dos Filhos da Mooca já havia investido uma importante soma na festa de lançamento da bela maquete da ponte Santos-Guarujá, mas o Barão de Pindamonhangaba jogou a maquete fora.

Segundo a nota, o governo federal faria melhor se construísse a ponte Guarujá-Santos, facilitando a vida da gente bonita paulistana em suas idas à  Pérola do Atlântico.

O sr. Geraldinho do Vale,  sucessor e muy amigo do pres. Zezinho, não deu continuidade à obra para poder construir um propinoduto, ligando assembléia legislativa paulista  à sede estadual da UDN.

Obra incompleta faz udenistas sofrerem síncope

A UDN também criticou o fato de que a obra foi entregue incompleta. Segundo a nota “é revoltante que uma obra dessa envergadura seja entregue sem as cabines de pedágio”.

GATO ESCALDADO TEM MEDO DE AMBULANCIA: Várias ambulâncias foram chamadas à Caverna do Ostracismo, mas muitos evitaram se comprometer e foram de táxi ao hospital.

Ao serem informados de que a ponte não teria cobrança de pedágio, vários moradores do Retiro do Udenista, na Caverna do Ostracismo, fundos, passaram mal e tiveram que ser socorridos ao Hospital Samaritano.

Já o poeta Virgílius assumiu um tom bucólico em seus comentários. De maneira enigmática, sentado em um canto da Caverna do Ostracismo, Virgílius comentou:  “Feliz aquele que conseguiu compreender a causa das coisas.”  Indagado sobre o sentido de sua frase, o poeta foi diplomático: “agora compreendi porque o povo do Amazonas me abandonou e fui obrigado a trabalhar novamente…”

QUADRILHA: A UDN fez uma bela festa junina na Ponte Onestes Quercia, em desagravo contra a gastança de dinheiro público.

Comentário da tia Carmela

O Zezinho nunca gostou de ponte. Quando ele era menino, ele gostava de ir brincar com os amigos lá na Água Rasa. Eles gostavam de jogar bola em um campinho que ficava perto do córrego. Para chegar ao campinho, era preciso atravessar o córrego, mas não tinha ponte e o pessoal colocava uma  tábuas para poder passar. O Zezinho e os amigos dele uma vez ficaram nos dois lados da ponte e cobravam um cruzeiro de cada moleque que queria passar nas tábuas pra jogar bola no campinho.  Mas uns moleques que moravam ali perto disseram que ninguém ia pagar coisa nenhuma e mandaram a turma do Zezinho embora.  Como vingança, o Zezinho e sua turma volta e meia iam lá e tiravam as tábuas que serviam de ponte, para ninguém conseguir atravessar.

Anúncios

19 respostas para Escândalo: UDN denuncia ponte inacabada sobre o Rio Negro

  1. Jkoliveira disse:

    iletrados do Norte né kkk, pelo que percebemos o grande analfabeto é você, muito provável que não tenha saído dessa casca de ovo e não conhece 1% do Brasil. procure pesquisar sobre seu país e para de ficar passando vergonha em seus comentários baseados em seu pequeno mundinho.

  2. Adriana Bispo disse:

    RSRSRSRS! esse Virgilius e uma babaca, e melhor ser matuto que ser cheio de pó na cabeça! e o mais engraçado e que a maioria dos sulistas vem matar a fome no Norte do Pais, pois em São Paulo existe Advogados sendo Gari, coisa q no Amazonas muito dificil existir, outra coisa o que faz ele uma pessoa melhor?morar em uma Cidade grande! grandes merda!!! o pior e será q ele estudou realmente! e Doutor em alguma coisa, e completamente vaziooooooooooooooo……….BABACAAAAAAAAAAAAAAA

  3. Luciano disse:

    Pra espantar a tristeza e a decepção com o Planalto com esse episódio da queda injusta do Ministro Orlando Silva, leio este blog.

  4. superlu.1956@hotmail.com disse:

    Entre a Tia Carmélia e o Prof. Hariovaldo, fico com ambos! São demais!!!

  5. Tia Carmela disse:

    Minha tia Carmela ficou muito feliz com as palavras de carinho de vocês, e pediu-me para agradecer.

  6. Padre Quevedo disse:

    Tia Carmela, demora mas sempre volta. Que bom!

    Titia, para esse assunto “ponte” sou obrigado a lhe “plagiar” em uma historinha.

    O professor de física do Zezinho de do Reinaldinho Cabeção (bem no primeiro grau é Ciências não Física, mas vocês entenderam) deu um trabalho para a classe para melhorar a nota, já que tavam quase todos bombando.

    O trabalho era fazer uma ponte com palitos de sorvete. Servia para demonstrar habilidade manual e também aprenderem uma lei da física muito usada na engenharia: O conceito das treliças geométricas. Esse conceito prega que a posição das vigas em uma ponte é que determina a resistência da mesma. Quer dizer, com um mínimo de material você consegue construir pontes sólidas sem desperdício. Quem fizesse a ponte com menor número de palitos e mais resistente tiraria a nota máxima.

    Zezinho então incumbiu Reinaldinho de usar toda sua mesada e comprar todos os picolés disponíveis e para não desperdiçar reinaldinho teve que chupar todos. Resultado: ficou com uma baita dor de barriga, mas a ponte deles ficou um bagaço. Reinaldinho ainda levou uns petelecos na cabeça do zezinho que dizia: Seu incompetente. Mandei comprar picolés de marca, porque os palitos são mais fortes e não esses baratinhos, toma!!!

    Saudações!

  7. Jorge disse:

    Sem pedágio, Tia Carmela!

    Será que estes iletrados caboclos do Norte(do nosso Norte, é claro) ainda não aprenderam os preceitos mais básicos de como bem explorar a população. Por que então toda aquela devotada entrega do nobre Lamparina de Alexandria aos irmãos do Norte?(aqui, neste caso, é dos olhos azuis mesmo)

    Quanto calvário e escárnio carregado pela nosso grande lumiar e não ver que, eles, lá no Amazonas, não assimilaram os ensinamentos.

    Sabe o que é isto? Isto é culpa daquele ex-senador “dipromata de carrera”; ficou muito tempo treinando para enfrentar o noveunhento no rinque e acabou por esquecer-se de suas primeiras atribuições – lamber a geni do Farol.

    Isto é culpa do

    • JUSSARA ALMEIDA SOUZA disse:

      Tenha respeito pelo nortista!!! Aponte-me no Brasil onde não há um iletrado. Sou cabocla, sou do norte, sou comedora de peixe, de farinha, sou “perreché” com orgulho!!!
      Não tenho inveja nenhuma dos “letrados” da tua região e de nenhuma outra do país. Aqui temos emprego, temos rios, temos florestas, escolas… e problemas como qualquer lugar deste imenso Brasil.
      Respeite seu infeliz!!! Espero que jamais ponha os teus pés nesta terra abençoada, ou se aqui chegares, que “os índios” te acertem com arco e flecha e te afoguem no imenso rio Amazonas.
      Como pode um infeliz destes ser chamado de brasileiro!???

      • Padre Quevedo disse:

        Xiiiiiiiiii!!!!

        Invasão de fabrícias nortistas também no sítio de Tia Carmela. Deu prá sentir daqui o “pitiú” prá ficar num termo usado pelos amados manauaras. E aí, no ano que vem vai dar Garantido ou Caprichoso.

        Se cuida Fabrícia. Muita farinha d’água dá nisso.

  8. ♫ Oh, tia Carmela, que bom que a senhora voltou. Eu e milhares de leitores estávamos sentindo muito sua ausência. Era ruim contar só com o PHA, apesar da incessante porfia dele em desmascarar o PIG. Já agora… Como!? Não tem pedágio!? “Que assurrdo!”, como diria o Carlito Teves da praça que é nossa. O Narinas de Ouro deve ter ficado com diarréia e chorado bolinhas de papel com tamanho desperdício. O poeta Virgilius, então, é melhor não comentar. Meanwhile, o F. H. Salieri vai jantar com a Dilma. Fazer o que, né? Se bem que eu não sei como foram colocá-lo ao lado do Jimmy Carter e do Nelson Mandela. Então lá vai ele, que – pão-duro como é – não abre mão de uma boca livre. Aposto que vai enfiar comida no bolso: “Para a viagem; e para dar àqueles mortos de fome que se aboletaram na minha casa e só fazem reclamar que não lhes ofereço bom passadio.”… ☺☺☺

  9. JUSSARA ALMEIDA SOUZA disse:

    Convido este cidadão desinformado e analfabeto histórico para visitar “os índios” da Amazônia, ou melhor, do Amazonas. Só não sei se ele será recebido por arcos e flechas neste “fim de mundo não civilizado”.
    Oh! Senhor!!! Tem piedade deste ignorante, ele não sabe o que fala. Graças a Deus que não nasceu no meu Amazonas.

    Tô ansiosa esperando resposta, neste “fim de mundo” – AMAZONAS – MANAUS (se é que ele conhece o mapa do Brasil)

  10. Ana Cruzzeli disse:

    kkkkkkkkkk
    Morri de tanto ri….

  11. Teresa Barbosa disse:

    Puxa, quanto tempo!!!. Pensei que estivesse esquecido de nós

  12. Márcio Dehón Pereira Carvalho disse:

    Estava sentindo falta da Tia Carmela. Excelente!!! E não fique muito tempo longe da gente. Abração.

  13. Polaco Doido disse:

    Ô tia Carmela!

    Tava sentindo muita falta de seus pitacos!!!

    Sim, eu sei que a vida não é feita só de posts, mas não nos deixe ansiosos assim por tanto tempo.

  14. Valter disse:

    Cheguei a entrar em depreção sentindo sua falta,meu dias se tornaram enfadonhos.QUE BOM QUE VC VOLTOU!

  15. Neyde Helena Castro disse:

    Tia Carmela, até que enfim a senhora voltou! Quantas saudades!Essa gente não tem mais jeito e espero que o poeta Virgilius arranje uma sinecura em Sumpaulo e fique por lá mesmo e deixe o povo amazonense em paz, que não quer mais saber dele. Bem feito! Um grande abraço das Terras Altas da Mantiqueira/MG

    • Preto Pobre Petista disse:

      Nobre Neyde .
      Não precisamos do poéta Virgilius aqui em Sum Paulo , já temos o Kassab , o Alkimim e os conteúdos do Tietê e Pinheiros .

  16. […] CLIQUE AQUI PARA LER O POST COMPLETO Share this:TwitterLike this:LikeBe the first to like this post. […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: