Programa Maquete S. Paulo III: Gov. Zezinho inaugura maquete de inundação

Mais preocupado em fazer uma boa gestão, marcada pelo bom uso dos recursos públicos, do que  em aparecer na mídia, o Mais Preparado dos Brasileiros,  governador Zezinho, decidiu que já era hora de organizar melhor as enchentes em S. Paulo.

Gilbertinho, finalmente, recebeu um elogio. Os moradores do Jd. Romano adoraram a nova estética da inundação.

Desde dezembro, o Presidente de Nascença vinha manifestando incômodo com a falta do baixo nível gerencial da organização das enchentes em São Paulo. Tal desconforto gerou uma série de críticas dos ghost-righters do Mais Competente dos Homens Públicos ao Pitta de estimação, Gilbertinho K.

Para organizar as enchentes na cidade, dando a elas um ar mais cosmopolita, o governador Zezinho determinou que  a sua assessora Dilma (que chegou a ser cotada para vice em sua chapa)  e Gilbertinho K. elaborassem estudos que instituissem uma nova organização para as inundações.

Segundo fontes da agência de publicidade oficial do estado, SABESP, as diretrizes determinadas pelo Mais Competente dos Engenheiros para a realização da iniciativa foram muito claras, e incluíram o pagamento de pedágio pelos barcos, colchões e jangadas e a criação de espaços adequados à prática esportiva promovida pelo Programa Esportes Pluviais.

Gratidão: Seu Roberto, presidente da Associação de Moradores do Jd. Romano, elogiou a maquete como marco de uma nova Ética.

Rapidamente os resultados ficaram prontos e o governador Zezinho inaugurou a maquete das novas enchentes em S. Paulo. Trata-se de uma belíssima maquete, mostrando a cidade de S. Paulo coberta de água.

O lançamento da maravilhosa maquete aconteceu nesta manhã, tendo a presença de várias lideranças populares. O presidente da Associação dos Moradores do Jardim Romano, seu Roberto, fez um discurso emocionado, no qual mostrou a maquete das inundações como o marco e representação simbólica de uma nova Ética da gestão pública, inaugurada pelo governador Zezinho. O discurso foi publicado pela Folha de S. Paulo, o Jornal Mais Vendido do Brasil, na sua prestigiosa página 3.


Comentário da tia Carmela

O Zezinho sempre gostou de brincar de enchente. Quando era criança, lá na Mooca, ele fazia o Reinaldinho Cabeção roubar  os brinquedos das meninas: bonecas, panelinhas, casinhas. Eles pegavam os brinquedos, colocavam no tanque e iam enchendo, até ficar tudo boiando. Aí ele dizia que estava tendo enchente, e que a culpa era de S. Pedro…

Anúncios

4 Responses to Programa Maquete S. Paulo III: Gov. Zezinho inaugura maquete de inundação

  1. […] o presidente da associação de moradores do Jardim Romano, sr. Roberto, confirmou os resultados das coproprevisões de Augusto do Rego Nunes: “no Jardim Romano, […]

  2. Marlene disse:

    Tia Carmela, por favor, fale mais um pouco do Reinaldinho Cabeção, o detentor de sabedoria intergalática. Ouvi dizer que hoje ele é o grande conselheiro dos deuses, é verdade?

  3. ♫ “Num güento” este site… E os colaboradores, então… Como já tiraram todo o (pouco) pelo que resta ao indigitado, faço minhas as palavras deles ☺☺☺

  4. Adolfo disse:

    O Zezinho deve inaugurar também as seguintes maquetes:

    – Maquete do pedágio da banda larga
    – Maquete do muro de concreto separando higienópolis do resto de s. paulo
    – Maquete do estádio do palmeiras
    – Maquete do Monumento a FHC
    – Maquete do muro de concreto separando SP de MG
    – Maquete da ciclovia de nudismo Soninha Francine

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: